SLIDE

Casa onde Jesus passou a infância pode ter sido encontrada por arqueólogos

Local foi construído no século 1 e tem fortes evidências de que abrigou Cristo e seus pais
foto1

O texto do abade foi baseado em uma peregrinação a Nazaré feita pelo bispo franco Arculf em que ele cita uma igreja 'em que antes havia sido a casa em que o Senhor se alimentou na infância'. Em 1880, freiras do Convento das Irmãs de Nazaré, também descobriram o local

Arqueólogos têm grandes esperanças de que uma casa, construída no século 1 d.c e situada na cidade de Nazaré, na região da Galiléia, em Israel, foi o local em que Jesus Cristo viveu na sua infância. As informações são do jornal Daily Mail

A descoberta foi revelada nesta semana, mas já havia sido mencionada em outras ocasiões. Em 670 d.c o abade irlandês Abdomnan descreveu o local observando que a casa ficava situada enre dois túmulos e abaixo de uma igreja. Após o período em que Jesus teria morado no local, a região foi palco de extrações e se tornou um cemitério, onde realmente foram construídos dois túmulos

A descoberta foi revelada nesta semana, mas já havia sido mencionada em outras ocasiões. Em 670 d.c o abade irlandês Abdomnan descreveu o local observando que a casa ficava situada enre dois túmulos e abaixo de uma igreja. Após o período em que Jesus teria morado no local, a região foi palco de extrações e se tornou um cemitério, onde realmente foram construídos dois túmulos

O texto do abade foi baseado em uma peregrinação a Nazaré feita pelo bispo franco Arculf em que ele cita uma igreja “em que antes havia sido a casa em que o Senhor se alimentou na infância”. Em 1880, freiras do Convento das Irmãs de Nazaré, também descobriram o local
Estudando o caso desde 2006, o arqueólogo Ken Dark, da Universidade de Reading, no Reino Unido, chegou à conclusão de que a casa, apoiada em uma encosta de rochas e feita basicamente com paredes de argamassa e terra, foi levantada no ano 1. Em escavação em 2009 evidências revelaram que se tratava de uma casa habitada por judeus
Estudando o caso desde 2006, o arqueólogo Ken Dark, da Universidade de Reading, no Reino Unido, chegou à conclusão de que a casa, apoiada em uma encosta de rochas e feita basicamente com paredes de argamassa e terra, foi levantada no ano 1. Em escavação em 2009 evidências revelaram que se tratava de uma casa habitada por judeus

foto 3
A casa tem uma sequência de quartos e uma escada. Uma das portas originais sobreviveu, como parte de um piso inicial, que também continua lá

Juntamente com a casa, fontes de água também foram encontradas em Nazaré. Elas teriam sido acessíveis ainda nos tempos em que Jesus estava vivo. Esta imagem mostra uma fonte famosa conhecida hoje como “Primavera de Maria”

Dark acredita que gerações posteriores, conscientes de que era o local em que Jesus morou com seus pais, Maria e José, fizeram esforços para proteger o local. No período Bizantino, cujo auge foi a coroação de Justiniano, em 527, a casa foi decorada com mosaicos, como sinal de reverência. Os bizantinos dominaram Nazaré até o século 7 foto 3
A casa tem uma sequência de quartos e uma escada. Uma das portas originais sobreviveu, como parte de um piso inicial, que também continua lá
O estilo da casa também remete a tradições judaicas que marcaram a origem de Jesus. Panelas quebradas, objetos de costura e vasos de calcário foram encontrados. Entre os judeus o calcário é utilizado por ser um material que não se torna impuro
O estilo da casa também remete a tradições judaicas que marcaram a origem de Jesus. Panelas quebradas, objetos de costura e vasos de calcário foram encontrados. Entre os judeus o calcário é utilizado por ser um material que não se torna impuro


Dark conclui, em artigo na revista “Biblical Archaeology Review”. “Foi esta a casa onde Jesus cresceu? É impossível dizer por questões arqueológicas. Mas não há nenhuma boa razão arqueológica para que tal identificação não seja levada em consideração”

Foto e fonte: Daily Mail

http://noticias.r7.com/internacional/fotos/casa-onde-jesus-passou-a-infancia-pode-ter-sido-encontrada-por-arqueologos-03032015#!/foto/1

0 comentários: