SLIDE

Ébola - O Que Não Lhe Está Sendo Dito!!

Há algo muito importante que a comunicação social e as autoridades de saúde pública não dizem sobre o surto de Ébola na África Ocidental. As informações que estou prestes a apresentar aqui são assustadoras. Não há realmente nenhuma maneira em torno disso. 


 No entanto, peço que você faça o seu melhor para manter um estado calmo da mente. Agora na África Ocidental o Ébola, pior epidemia da história, está em pleno andamento e está saltando fronteiras num ritmo alarmante. Já se espalhou dos quatro países, Guiné, Libéria, Serra Leoa e Nigéria, e agora Estados Unidos da América e Espanha!

Este último salto em Nigéria é particularmente grave, uma vez que o indivíduo infectado leva o vírus por avião para a Nigéria, uma cidade com uma população de mais 21 milhões. Médicos sem fronteiras do surto tem-no referido como "fora de controle". Para piorar a situação, há algo muito importante que a comunicação social e as autoridades de saúde pública não te dizem sobre esta crise.

Você vai notar que eles fazem questão de insistir que o Ebola só é transferido pelo contato físico com os fluidos corporais. 
Será isto verdade?
Um estudo conduzido em 2012 mostrou que o Ebola foi capaz de viajar entre porcos e macacos que estavam em gaiolas separadas e nunca foram colocados em contato direto.
Embora o método de transmissão no estudo não foi oficialmente determinada, um dos cientistas envolvidos, Dr. Gary Kobinger, do laboratório nacional de microbiologia na agência de saúde pública do Canadá, disse a BBC News que ele acreditava que a infecção foi transmitida através de gotículas grandes que foram suspensos no ar.
"O que nós suspeitamos que está acontecendo é as grandes gotas; Elas podem ficar no ar, mas não muito; Elas não vão longe,"ele explicou. "Mas podem ser absorvidos na via aérea e é assim que começa a infecção, e isto é o que pensamos, porque vimos um monte de provas nos pulmões dos primatas não-humanos que o vírus entrou assim." 
Tradução: O Ebola é um vírus no ar. (estou usando este termo no sentido leigo como que viaja através do ar) Alguém apontou em termos médicos, que se o vírus é transferido através de gotículas no ar isso tecnicamente não seria chamado um vírus "no ar". Em termos médicos significaria que o vírus tem a capacidade de permanecer vivo sem um portador líquido.

Por um lado isso é uma questão de semântica e o ponto é bem aceite, mas tenha em mente pois o estudo não determina oficialmente como o vírus viajou através do ar, apenas estabeleceu que ele viaja através do ar.

A hipótese do médico Kobinger sobre gotículas de líquido é apenas isso, uma hipótese. Para o cidadão no entanto o que precisa ser entendido é muito simples: se você está em uma sala com alguém infectado com Ebola, não é seguro, mesmo que você nunca lhe toque ou nos seus fluidos corporais, e isto não é o que está a ser dito pela mídia. 
Agora não vou especular sobre se os meios de transmissão estão mentindo, ou só estão participando de uma exposição maciça da incompetência sincronizada, mas o que vou dizer, é que neste malfeito relatado é mais provável que a pessoas morram agora, e de fato pode colocar toda a humanidade em perigo.

Como assim?

Por pessoas convincentes que o vírus não pode viajar através do ar, não estão sendo tomadas precauções importantes que poderiam reduzir a propagação do vírus. Por exemplo não estavam em quarentena os outros passageiros no avião que viajou para Lagos, na Nigéria. De acordo com a AP e BBC, Patrick Sawyer, o homem de Ebola infectado que viajou para a Nigéria de avião, passou a doença para oito trabalhadores de saúde antes de ser devidamente isolado. As autoridades sanitárias da Nigéria reconheceram terça-feira que eles não o colocaram de quarentena imediatamente, um passageiro de avião doente que morreu depois de Ebola, anunciando que oito trabalhadores de saúde que tiveram contato direto com ele eram agora isolados com sintomas da doença. Apesar da gravidade da doença e o fato de que a BBC cobriu um estudo em 2012 que demonstrou que o Ebola pode se espalhar pelo ar, ninguém na mídia corporativa já se moveu da linha oficial em relação a transmissão:


No AP’s spin on it:
especialistas dizem que pessoas infectadas com Ebola podem espalhar a doença apenas através de seus fluidos corporais, e depois eles mostram sintomas.


Da CNN
Ébola se espalha através do contato com os órgãos e fluidos corporais como sangue, saliva, urina e outras secreções de pessoas infectadas.


E da própria BBC no seu artigo descrevendo o segundo caso na Nigéria confirmado:
O vírus se espalha pelo contato com sangue infectado e fluidos corporais – e tocar o corpo de alguém que tenha morrido de Ebola é particularmente perigoso.

Para colocar isso em contexto, Ebola mata entre 50% e 90% de suas vítimas, para que as apostas são muito altas aqui.

O CDC, admitiu que o vírus Ebola pode viajar através do ar, mas fizeram essa admissão de uma forma muito furtiva e difícil de encontrar.

Contato Casual é definido como um) sendo dentro de aproximadamente 3 metros, ou dentro da área do quarto ou cuidados por um período prolongado de tempo enquanto não usando equipamento de protecção pessoal aconselhado ou tendo contato direto breve (por exemplo, aperto de mãos) com um caso EVD enquanto não usando equipamento de protecção pessoal aconselhado.

A implicação desta afirmação é muito clara: na verdade Ebola viaja através do ar. 

Esta é uma informação crítica e deve ser destacado em letras grandes em todas as páginas, mas em vez dele está escondido em letras miúdas onde muitos não vai olhar. Dado o fato de que o CDC foi executado anteriormente, alegando que o Ebola não viaja através do ar (veja imagem abaixo) é altamente irresponsável da parte deles.



Agora a pergunta na mente de todos é se este vírus vai se espalhar fora Africa? (Já se confirma que sim!)

Considerando o fato de que o Ebola tem um período de incubação de três semanas, pode viajar através do ar esta é uma possibilidade muito real. Há alguns que estão minimizando a probabilidade deste resultado, e para ser honesto, eu espero que eles estejam certos, mas o simples fato da questão é que estas pessoas estão baseando sua avaliação na premissa defeituosa que Ebola não é um vírus no ar. 
Agora a primeira coisa que você pode se sentir quando olhar para esta situação é uma sensação de medo e impotência, e enquanto isso é uma reação perfeitamente normal realmente não é útil. 
Em vez disso deveríamos estar pensando em termos de medidas práticas que podemos levar para influenciar o resultado. Uma coisa que podemos fazer é começar confrontando todos os que continuam fazendo falsas declarações relativamente a forma Ebola se espalha.

Use os links para o estudo original, o relatório de BBC a partir de 2012 para colocá-los no seu lugar. Também temos que confrontar o fato de que lá não está completo o esforço coordenado, internacional para conter isso. 
Isso está sendo tratado como um espetáculo à parte... mas tem o potencial real para se tornar um evento principal. 
Os médicos no terreno em África Ocidental não tem suficiente pessoal ou recursos para lidar com esta situação. 
É absolutamente inadmissível para os Estados Unidos e na União Européia investir bilhões de dólares de um contribuinte em seus pequenos jogos de poder na Ucrânia e Síria (que estão em vias de escalada, agora, a propósito) enquanto Ebola chega a um ponto de apoio na África.

Todos os recursos disponíveis devem ser deslocado da África Ocidental para conter e extinguir essa epidemia agora.

Isso é sério!

Chamá-los, escrevê-los, importuná-los nas ruas, se for preciso, mas não lhes permita ignorar esta questão. Tornem impossível para eles fingir mais tarde que não sabiam. Agora ou não a política oficial para a crise de Ebola mudar, são algumas precauções que você deve tomar agora para si e sua família.

1. Saber para onde você iria se você precisava sair de casa em cima da hora. 
Escapando a Ebola de África o último lugar que você quer ser é uma região metropolitana densamente povoada. Pode ser que o destino mais prático para a sua família seria uma área rural perto de sua casa atual, mas se você tiver preocupações sobre você está vivendo sob o governo, e como eles podem lidar com uma crise como esta, então você pode querer começar a procurar alternativas. Encontrar um local alternativo que atenda às necessidades da sua família é algo que requer muito tempo e pesquisa, então não adie isto. As principais características que você deve analisar em um destino alternativo são geografia, ambiente político, clima, densidade populacional e termos "visto e requisitos". Idealmente, você gostaria de acabar em algum lugar que é geograficamente isolado em algum grau.
2. Se você não tem passaportes para si mesmo e cada um de seus dependentes, faça-os agora. 
Isto não é dizer que você deve deixar seu país, mas você deve ter os meios para fazê-lo. Em países onde a epidemia de Ebola está em andamento está ficando mais difícil de sair. Fronteiras estão sendo fechadas. Voos estão sendo bloqueados. Isto não acontecerá de imediato, mas você definitivamente não quer ficar esperando pelo seu passaporte, se o Ebola chegar a sua cidade.

3. Saber para onde viajaria se tivesse de partir em cima da hora. 
Tenha esses itens prontos e a bagagem para realizá-los. Seria sábio considerar comprar um pacote de máscaras cirúrgicas como parte desse. Agora se você pensar sobre isso, estas preparações são sábios passos a tomar independentemente se a situação de Ebola se deteriora ou não. Sabendo para onde você iria em caso de emergência, e ter os meios para chegar lá em cima da hora é importante para uma grande variedade de situações. A população civil de Gaza, Oriental Ucrânia, Síria e Iraque pode atestar isso. Não deixe o medo controlar a sua mente. Tome as medidas que você pode tomar agora, monitorar a situação com calma e estar preparado para se adaptar, se necessário.
Os americanos infectados pelo Ebola estão agora a ser levado para fora dos EUA. Na minha opinião pessoal é que este movimento específico não conduzirá à saída do vírus. Este evento vai ser altamente controlado, e a segurança de isolamento deve ser máxima. O verdadeiro perigo não nessas transferências altamente controladas e colocar em quarentena, mas sim no fluxo contínuo de viagens aéreas nestas regiões.

Trinta e cinco países são meramente um vôo de uma zona de Ebola agora. Porque é que esta viagem aleatória torna o ar mais perigoso? Porque torna-se quando as pessoas não estão olhando, ele pode se espalhar antes das medidas de contenção srem postas em prática.

Os EUA só tiveram o seu primeiro caso confirmado de Ebola a 30 de Setembro em Dallas e de seguida em Worcester, Massachussets. Espanha confirmou ontem o primeiro caso de Ébola.

Você definitivamente deve manter um olho sobre a situação. Ebola esta-se a espalhar exponencialmente neste ponto da África Ocidental. O número de casos está duplicando a cada três semanas. Como o número de infectados aumenta na zona quente, as chances de novos casos chegarem aos EUA ou à Europa aumentam também.

Se você quer aprender mais sobre o Ebola recomendo que leiam “The Hot Zone” by Richard Preston..


Escrito e Traduzido por Marco Francisco
http://diariobombeiro.blogspot.com.br/2014/10/ebola-o-que-nao-lhe-esta-sendo-dito.html

Referências:






































0 comentários: