SLIDE

Médico cubano desmascara programa Mais Médicos no plenário da Câmara

Médico cubano desmascara programa Mais Médicos no plenário da Câmara


Médico cubano vai à tribuna do plenário, desmente e refuta declarações do ministro da saúde, diz que Cuba é sim uma ditadura, que médicos de Cuba trabalham jornadas excessivas naquele país, ganhando menos de R$ 80, e vem para o Brasil para ganhar cerca de US$ 300, e o restante do salário vai para a ditadura cubana dos irmãos castro.
Ao fim, o médico, em tom de revolta, desabafa –“Senhores, basta de ditadura, basta de apoiar ogoverno de Castro. Quem apoia a ditadura de Castro suja suas mãos de sangue, tanto o PT como todos vocês!”
Não é estranho aqui as leis trabalhistas combaterem o chamado “trabalho escravo”, mas, no caso dos médicos cubanos, mesmo cerca de 80% de seu salário indo pra ditadura cubana e só 20% ficando com eles o governo diz que ta tudo legal, tudo lindo. E mesmo com essa denuncia feita na câmara por um médico cubano, nada é feito, nem investigado. Por quê, será?



0 comentários: